Curadoria de Conteúdo: o poder da informação estratégica para os negócios

Mais do que nunca, o desafio não é apenas saber e informar, mas saber e informar o que realmente importa

por Gisele Franchini, gerente de conteúdo da Wide Digital SP

 

Meme. Notícia. Mensagem. Vídeo. E-mail. Abas abertas… Ufa, haja atenção para tanta informação assim. Às vezes, a vida parece um feed e isto revela um dos grandes desafios dos últimos anos, em especial no momento atual: equilibrar o consumo de informações.

O excesso de conteúdo veio para ficar e não dá sinais de que diminuirá no futuro próximo. Segundo o Instituto Gartner, só nos últimos dois anos produzimos mais informação que em toda a história da humanidade somada. Neste cenário, somos todos produtores e consumidores de informação, e sentir-se sobrecarregado é uma constante. Em outras palavras, hoje produzimos mais conteúdo, mas nossa capacidade de absorver e dar sentido a ele não acompanha esse aumento.

No universo de bits e bytes, a curadoria se consolida como um diferencial estratégico para conectar colaboradores e fortalecer a comunicação interna. E os tomadores de decisão também estão atentos a esta necessidade: segundo uma pesquisa realizada pela Curata, em 2019, 78% das empresas entrevistadas contavam com uma estratégia interna de curadoria de conteúdo para seus colaboradores; e 89% dos executivos disseram estar preocupados em como a sobrecarga de informações impactaria nas tomadas de decisão internas de seus funcionários.

Em nossa atuação como produtores e curadores de conteúdo, assumimos a responsabilidade de fazer mais do que “apenas” entregar informações relevantes: estamos interessados em proporcionar uma experiência de consumo de informação que, no contexto aplicado, se traduza de forma humana e tenha impacto positivo para pessoas.

Vivemos um tempo em que os algoritmos dominam nossas redes. Nesta realidade, por exemplo, um conteúdo compartilhado por uma liderança tem efeitos estratégicos na relação dos funcionários com a empresa. Isto porque confiamos mais quando alguém (ou algo) nos reflete e, além disso, sempre procuramos terceiros em quem confiamos para dar credibilidade às novidades.

Caso sua empresa esteja de olho em inovação, que tal um hub de conteúdo dedicado a informações relevantes para o seu contexto de comunicação? As possibilidades e aplicações da curadoria são inúmeras, mas seus benefícios são indiscutíveis.

Comentários

{{comment.comment_author}}
{{comment.comment_date}}
{{comment.comment_content}}
Ver mais comentários

Materias Anteriores

Cristiane Lamonica, gerente de RH da Zurich, conta como a empresa vem fortalecendo estes temas na jornada dos profissionais e a importância da conversa honesta e transparente em todos os momentos, sobretudo na pandemia
Além dos cuidados, campanha aborda assistência e promoção dos direitos das pessoas com o vírus
Jorge Elias, policial civil aposentado, hoje com 64 anos, é exemplo de força e coração na luta contra a doença. Campanha Novembro azul reforça importância do exame preventivo contra o câncer de próstata, segunda doença que mais mata homens no mundo.